Cai o número de pessoas que se mudam para a Califórnia

LOS ANGELES, CA (BDCi News) — O número de pessoas que se mudam de outros estados para a Califórnia caiu significativamente desde o início da pandemia da COVID-19, e mais californianos estão deixando o estado, de acordo com um novo estudo do California Policy Lab divulgado nesta quarta-feira (15).

As duas tendências sinalizam que a perda de população devido à migração doméstica para fora do Golden State mais que dobrou desde o início da pandemia. O padrão mudou por toda a Califórnia: novas entradas para o estado caíram em todos os condados desde o final de março de 2020. Quando os californianos se mudam, os pesquisadores dizem que têm uma probabilidade ligeiramente maior de deixar o estado do que antes do início da pandemia.

As entradas de outros estados na Califórnia caíram 38% desde março do ano passado, enquanto o número de residentes que partem para outros estados aumentou 12%, disse o relatório.

“A atenção do público tem se concentrado no fenômeno chamado ‘CalExodus’, mas a realidade é que a queda dramática em ‘CalEntrances’ desde o início da pandemia tem sido um grande impulsionador das mudanças populacionais recentes no estado,” disse Natalie Holmes, pesquisadora do California Policy Lab.

As saídas da Califórnia aumentaram durante a pandemia em oito das nove regiões econômicas do estado, de acordo com o estudo, com um aumento de 21% na Bay Area em comparação com um aumento de 1% na região do norte da Califórnia. A proporção de pessoas que deixaram a Califórnia aumentou de cerca de 16% em 2016 para 20% no final de setembro de 2021.

“Hoje, a Califórnia perde mais do que o dobro de pessoas para a migração doméstica do que antes da pandemia”, disse o relatório.

Os pesquisadores disseram que, desde o final de março de 2020, as novas entradas para os condados da Bay Area diminuíram mais rapidamente do que em outras partes do estado.

“No final de setembro de 2021, havia 45% menos pessoas se mudando para a Bay Area de outros estados dos EUA em comparação com o início de 2020”, disse Evan White, diretor executivo do site UC Berkeley do California Policy Lab. “Os condados de San Francisco, San Mateo e Santa Clara perderam população para a migração doméstica pela primeira vez desde pelo menos 2016 por causa desses novos padrões.”

Entre 2016 e o ​​início da pandemia, São Francisco, San Mateo e Santa Clara foram os únicos três condados da Califórnia que receberam mais pessoas de outros estados dos EUA do que enviaram para outros estados do país.

Muitos californianos que se mudaram em 2020 permaneceram no estado, muitas vezes trocando a vida da cidade na Bay Area ou Los Angeles, por comunidades suburbanas ou rurais. Um número crescente de famílias mudou-se para o interior nos últimos anos, mostram os dados, alimentado pela busca por mais espaços abertos, um senso de comunidade e moradia acessível.

Mas a mudança migratória ficou ainda mais pronunciada em meio à pandemia, dizem os especialistas, à medida que as barreiras à mudança caíram para muitos nas grandes cidades, estimuladas por uma nova capacidade de trabalhar remotamente.

“Não tentamos investigar as causas aqui neste relatório”, disse Holmes. “Mas todos nós conhecemos alguém ou conhecemos alguém que conhece alguém que se mudou durante a pandemia.”

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe :)

%d bloggers like this: